quinta-feira, 30 de julho de 2009

BMW garante abandono total e descarta fornecer motores em 2010

A BMW vai se desligar por completo da F1. Em Munique, durante a entrevista coletiva em que a montadora alemã anunciou que retirará da categoria no fim do ano, Klaus Draeger, membro do quadro e responsável pela área de desenvolvimento, afirmou que a fábrica não irá fornecer motores para outras equipes em 2010.
"Não. Nós não vamos estar disponíveis como um fornecedor de motores", disse o dirigente. Surgiram rumores nesse mês de que a BMW poderia ceder motores para alguns time e que até mesmo já teria um alvo: a Red Bull, que não ainda renovou com a Renault, outra montadora que dá indícios de que pode deixar a F1 no ano que vem.
Questionado sobre essa possibilidade há alguns dias, Mario Theissen chegou a comentar que a BMW teria capacidade para passar a fornecer motores.

Nenhum comentário: